aprenda a fotografar com os artigos do cala a boca e clica
Curso de introdução à fotografia do Cala a boca e clica
quais são as melhores cameras para 2013?

domingo, 8 de setembro de 2013

Como melhorar uma foto medíocre


Não dá para acertar sempre. Aliás, em fotografia, você mais erra do acerta. Para obter uma foto excelente, são necessários muitíssimos cliques, muitas vezes com imagens horrorosas no meio do caminho.

Geralmente, é possível dar uma mãozinha para que a foto fique boa. Iluminação, técnicas de composição, bons horários do dia, equipamentos confiáveis, lentes de altíssima qualidade, e assim por diante, mas, em outras circunstâncias, não há o que fazer e, no final do dia, você acaba com uma porção de fotos meia boca.

O que fazer então com estas fotos medíocres?

Jogá-las no lixo

A primeira opção óbvia é descartá-las. Como vimos no artigo Maravilhosas fotos de... nada!, algumas imagens simplesmente não têm conserto. O negócio é deixá-las nas profundezas de sua HD, distante dos olhos de demais seres humanos.

O problema é quando você vai para uma sessão fotográfica, ou para uma viagem, e ao começar a conferir as fotos, percebe que uma ficou pior do que a outra.
A duas principais possibilidades são:

1 - fotos mal-tiradas, isto é, sem foco, escuras ou claras demais, sem composição alguma, tremidas, ou seja, que geralmente não podem ser consertadas satisfatoriamente; e

2- fotos sem graça. As imagens não são ruins por causa de problemas, mas sim porque não têm nada de extraordinário nelas. Neste caso, ainda é possível salvá-las.

Salvando uma foto medíocre


Recentemente, ao trabalhar num artigo sobre Paris, revirei minhas fotos e vi que não tinha nenhuma imagem boa em formato paisagem da Torre Eiffel.
Tinha várias fotos da torre, mas todas em retrato. Recortá-las não era uma opção, então, tive de procurar uma foto medíocre e tentar consertá-la.
Tirada num dia nublado, de um ponto de vista que nem era tão bom assim, é uma foto bastante desinteressante, se não fosse pela Torre Eiffel.


Pensei em duas formas para melhorar esta foto.
A primeira, passando para preto e branco no Photoshop. Dias nublados são excelentes para fotografias em preto e branco, pois criam contrastes suaves, permitindo distinguir as regiões iluminadas e também as nas sombras.
Não é à toa que tantas fotos incríveis de fotógrafos parisienses são em preto e branco, pois o clima da cidade nem sempre colabora.
Adicionei também um pouco de ruído digital para dar um charme.
No entanto, o resultado final não me agradou muito. Ficou muito pesado para o que eu pretendia.




A segunda opção me pareceu melhor: envelhecer a foto no Photoshop.
Para isto, usei uma textura de foto velha e a adicionei como uma camada sobre a foto original.
Com pouquíssimo esforço, consegui melhorar muito a foto original, dando uma impressão de um cartão postal antigo.

(1/125 f/6.3 ISO 100, com flash externo: http://www.flickr.com/photos/henrybugalho/9703736034/)

Neste segundo exemplo, de um retrato, a foto nem está tão ruim assim, porém não é também lá estas coisas.

Para dar um pouco mais de vida à ela, também fiz uma edição no Photoshop.


Primeiro, aumentei o contraste e a saturação para deixar as áreas escuras ainda mais escuras e estourar um pouco as áreas claras. Em seguida, adicionei ruído digital para dar uma envelhecida.


Esta terceira foto desinteressante exigiu um pouco mais de criatividade. Logo de cara, eu sabia que precisaria fazer algum tipo de recorte para destacar o tema, que é a Estátua da Liberdade no fundo.


Novamente, optei por uma imagem em preto e branco, para deixá-la mais dramática.
Aumentei bastante o contraste e usei a ferramenta de preto e branco do Photoshop para clarear os tons de vermelho, assim deixando bastante visível a placa de Perigo (Danger). Também adicionei ruído digital, para dar este clima noir.


Agora, se fôssemos extrapolar para valer, eu recortaria até a Estátua da Liberdade e tornaria o tema da foto a placa de Perigo e aquela pessoa observando os barcos lá atrás.
Com o contraste alto e o ruído bastante perceptível, acaba parecendo até uma gravura ou pintura.

O limite dependerá da sua criatividade.

Como estamos trabalhando com fotos medíocres que já foram tiradas, a única solução que nos resta é o pós-processamento. Se você perceber que só tem foto ruins durante uma sessão fotográfica, basta mudar a abordagem e tentar consertar antes que seja tarde demais.

O que o ajudará a melhorar fotos medíocres?

Os artigos abaixo poderão lhe dar uma luz sobre o que fazer.

Maravilhosas fotos de... nada!
Obtendo a verdadeira foto em preto e branco
Envelhecendo fotos no Photoshop
O que é brilho, contraste e saturação?
Recorte (Cropping)

***

Gostou deste artigo?


A melhor referência para quem deseja aprender a tirar fotos melhores.