aprenda a fotografar com os artigos do cala a boca e clica
Curso de introdução à fotografia do Cala a boca e clica
quais são as melhores cameras para 2013?

domingo, 23 de junho de 2013

Obtendo a verdadeira foto em preto e branco


A fotografia em preto e branco é uma arte para poucos.

Ver o mundo à cores é fácil, pois é como todos nós o enxergamos diariamente. Na fotografia colorida, a hierarquia de uma imagem depende de vários fatores, incluindo as cores vívidas e chamativas.


Todavia, na fotografia em preto e branco, na ausência das cores, o fotógrafo precisa tentar enxergar também o mundo de maneira monocromática.


Aquele lindo céu azul será cinzento, enquanto aquele dia nublado nos dará um céu branco, ou com nuvens escuras e ameaçadoras.


Não é à toa que dias nublados são algumas das melhores oportunidades para a fotografia em preto e branco, pois permite uma rica nuance de tonalidades, tanto para retratos quanto para fotografia de paisagens.

<

O essencial numa foto em preto e branco pode parecer óbvio na teoria, mas muitos têm dificuldade na prática.
O branco precisa ser branco e o preto precisa ser preto.


E isto, numa câmera digital, geralmente só será possível de se obter com perfeição no pós-processamento.

Deixando suas fotos em preto e branco (lendo o histograma)

A primeira recomendação para boas fotos em preto e branco é sempre fotografar a cores, ou em formato .RAW.
Primeiro, porque se você fotografar diretamente em preto e branco num formato comprimido como .JPEG, você perderá todas as informações de cores, ou seja, você não poderá reverter posteriormente para uma foto colorida.

Em segundo lugar, porque você terá de passar a foto pelo pós-processamento de qualquer maneira, seja uma imagem colorida, seja em preto e branco, isto é, fotografar em P/B não facilitará muito sua vida.


Geralmente, a foto que você obterá com sua câmera será mais ou menos como a imagem acima.
Sem muito contraste, com vários tons de cinza. Uma imagem sem graça e que exigirá um pouco de trabalho para melhorá-la.

Antes de tudo, veja o histograma da foto (aquele gráfico no topo direito da imagem). Ali, você obterá a informação do grau de contraste da imagem, onde estão localizados os pixels na curva de tonalidades.

Nesta primeira imagem, é possível ver no histograma que há bastante informação na região central do gráfico, ou seja, há vários tons de cinza.


A nossa intenção no pós-processamento, pelo menos para o meu estilo de fotografia em preto e branco, é aumentar o número de pixels nas regiões extremas do histograma, nas regiões do branco e do preto.

Depois de ajustarmos o contraste e o brilho, temos a segunda imagem acima.


Aqui temos outro exemplo. Basta uma rápida olhada no histograma para percebermos que a região central do gráfico indica vários tons de cinza.


Ao ajustarmos o brilho e o contraste, obtivemos esta segunda imagem, muito mais forte do que aquela saindo direto da câmera.

Se você se interessa por este estilo de fotografia, dê uma lida em nossos artigos sobre como converter fotos coloridas para preto e branco

técnica 1 - dessaturação no Photoshop
técnica 2 - B/W no Lightroom

***

Gostou deste artigo?


A melhor referência para quem deseja aprender a tirar fotos melhores.

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Como fazer .GIF animado no Photoshop


Ontem li um artigo afirmando que uma das novas tendências entre fotógrafos para destacarem suas imagens são .GIF animados.

A possibilidade de fazer uma pequena animação com várias fotos em sequência não é de hoje, no entanto, sempre esteve associada a um certo mal gosto. A primeira coisa que me vem à mente quando se fala em .GIF animado são aqueles sites do final dos anos 90, todo coloridos e com dezenas de imagens animadas de bichinhos, botões piscando, e assim por diante.

Sinceramente, não sei se .GIF animado se tornará realmente uma moda - espero que não! -, de qualquer modo, fiquei curioso para saber como funcionava a criação de um arquivo do gênero e abaixo explicarei como é possível fazer um no Photoshop.


A primeira etapa é criar três camadas (layers) e importar as fotos que estarão presentes na sequência.

Escolhi as imagens de um grupo percussão que cruzavas as ruas da Perúgia, na Itália, mas você pode selecionar qualquer tipo de imagem em sequência, ou até imagens que não possuem nenhuma relação entre si, mas que possuam uma proposta estética específica.
Isto ficará a seu critério.


Feito isto, você deve ir no menu Janela (window) e clicar em Animação (animation). Isto fará com que uma janela apareça no rodapé do Photoshop.

Neste ponto, você deverá incluir na animação as imagens que estão em cada camada (layer). Para tanto, você deverá ocultar todas as fotos, clicando no ícone do olho da respectiva camada, deixando visível somente a foto que você quer incluir na sequência da animação.


Para adicionar novos quadros (frames), você precisa clicar no ícone Novo quadro (new frame), ao lado da lixeira no rodapé. Depois, ocultar a camada anterior e tornar visível a próxima camada, e assim por diante, até completar todos os quadros da animação.

Fiz um .GIF animado com 3 quadros, mas você pode inserir quantos quadros desejar.


Em seguida, selecione todos os quadros, clique no menu à direita da janela de animação (onde está a flecha vermelha) e selecione a opção Tween...

Assim você terá posto sua animação em marcha.


Retorne aos quadros e você verá que abaixo das miniaturas das imagens há uma informação de tempo (inicialmente, de 0 segundo).
Escolha a velocidade desejada, neste caso, selecionei 1 segundo.


Por fim, para gerar o arquivo, vá no menu Arquivo (file) e selecione a opção Salvar para Web e dispositivos (Save for web and devices).

Abrirá uma nova janela, com vários opções customizáveis. Como as fotos que usei eram grandes, optei por reduzir o tamanho dela nos campos Tamanho da Imagem/Percentual (Image Size/Percent).
Deste modo, o .GIF ficará menos carregado.

Para visualizar o resultado, clique no botão Visualizar (Preview). Depois é só salvar e fazer o upload do .GIF animado na internet.
Para ver o resultado com a imagem já pronta, é preciso visualizá-la no navegador. Não será possível conferir a animação abrindo a imagem num programa normal de fotos.

No fundo, a qualidade final de um trabalho como este dependerá muito de sua criatividade na hora de montar a sequência e também de seu talento como fotográfo.
Pode ser piegas, mas também pode ser bastante interessante.

Exercício prático

A partir deste tutorial, tente criar um .GIF animado com fotos em sequência, ou como você desejar.
Depois, compartilhe conosco o resultado em nosso grupo do Flickr
http://www.flickr.com/groups/calabocaeclica/

***

Gostou deste artigo?


A melhor referência para quem deseja aprender a tirar fotos melhores.

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Envelhecendo fotos no Photoshop - técnica 1

(foto por: Denise Nappi)

Após a publicação do artigo "Maravilhosas fotos de... nada! - Erros de fotografia que todos nós já cometemos", a leitora Lyze me escreveu pedindo-me que explicasse como fazer o efeito de pós-processamento da imagem abaixo.


Há inúmeras formas para envelhecer uma foto no Photoshop, desde as mais simples até as mais sofisticadas.
A que usei para a imagem dos senhores descobri por conta própria, mas certamente não deve ser inédita.

É rápida, fácil de aplicar e os efeitos ficam interessantes, dando um ar dramático à foto.


Acima está a imagem original que usarei como exemplo. É uma foto convencional, com as cores corretas e com um flash externo para dar uma luz de preenchimento no rosto.


Assim que abrirmos a imagem no Photoshop, a primeira coisa que se deve fazer é duplicar a camada (layer) pressionando CTRL+J.

A camada acima, aqui chamada de Layer 1, será onde trabalharemos.


Clicando no menu superior "camada" (Layer), você deve selecionar a opção "nova camada de ajuste" (New Adjustment Layer), e em Preto & Branco (Black & White).

Assim que você criar esta camada de ajuste, a imagem ficará em preto e branco.


Na aba lateral das camadas, você seleciona a camada de ajuste (onde está escrito Black & White 1) e, depois em Opacidade (Opacity), você ajusta a transparência desejada. Neste caso, escolhi 50%.


Sua imagem ficará assim, parcialmente acinzentada.

Esta foto por si só já parece um pouco envelhecida, mas ainda não estamos satisfeitos.


Agora será a hora de adicionarmos um pouco de ruído digital, isto é, os pontinhos pretos que aparecem quando usamos ISO alto.
Vá no menu Filtro (filter), Ruído (noise) e selecione Adicionar Ruído (add noise).
Geralmente as configurações padrões já criam um belo resultado.

Caso você queira fazer alguns ajustes de contraste, brilho ou saturação, basta selecionar a camada principal (layer 1), e realizar a alterações desejadas.


Aqui está a comparação entre a foto original e a foto pós-processada.

Agora só falta você testar esta técnica e compartilhar o resultado conosco em nosso grupo do Flickr
http://www.flickr.com/groups/calabocaeclica/

***

Gostou deste artigo?


A melhor referência para quem deseja aprender a tirar fotos melhores.