quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Descanse em paz 50mm f/1.4


Despeço-me da minha lente Canon 50mm f/1.4.

Por alguns anos, foi uma das minhas lentes favoritas, utilizada para as mais diversas circunstâncias. Algumas das mais belos fotos que tirei nos últimos tempos foi com ela, sempre com aquele bokeh incomparável, essencial para situações com pouca iluminação.
Se você acompanha este blog, sabe bem como recomendo uma 50mm para qualquer fotógrafo.

Recentemente, fiz uma viagem a Portugal e, no último dia, na cidade costeira de Albufeira, ao entrar numa confeitaria, a porta automática se fechou em mim e acertou a lente.

O problema das 50mm f/1.4

Última foto com a 50mm f/1.4 antes da tragédia
A princípio, depois da cacetada, não percebi nada, pois não tirei mais nenhuma foto naquele dia.

Só fui perceber que havia um problema no dia seguinte, quando no caminho de volta a Madri, passamos por Sevilha e fomos dar uma volta na cidade.

A lente não focava mais
O foco do lente havia travado entre 3 metros e infinito, ou seja, se eu estivesse fotografando paisagens ou pessoas neste intervalo, a lente focava bem, mas se eu tentasse fazer o foco mais perto, mesmo com foco manual, a imagem ficava borrada.

A princípio, pensei que fosse um problema simples de ser resolvido. Foi quando descobri que este é um sério problema de fábrica com as lentes Canon 50mm f/1.4.
Parece que o anel de foco é movimentado por um braço de plástico que se solta facilmente, quase qualquer tipo de impacto, por mais leve que seja, pode fazer com que este braço se desloque e desregule o foco.

Para o conserto, existem duas opções:

1 - mandar para a assistência técnica autorizada e pagar uma taxa fixa de uns 100 dólares/euros para regular o foco; ou

2 - abrir a lente você mesmo e tentar ajustar o braço.

Juro que fiquei tentado a recorrer à segunda opção, mas eu sou daqueles que, se abrir um eletrônico, nunca mais consigo fechar, assim eu teria uma lente desmontada e que não serviria para nada.
Agora, pagar 100 euros para arrumar uma lente com quase 4 anos de uso, correndo o risco de ter o mesmo problema no futuro, não me animou muito.

O que fazer?

Comparação entre as lentes 50mm f/1.4 e f/1.8

Li vários fóruns de fotógrafos que tiveram o mesmo problema que eu e também comentários comparando as lentes 50mm da Canon.

Quase todos foram unânimes em afirmar que a lente 50mm f/1.8 é o melhor negócio possível na fotografia. É uma lente barata, com um bokeh que alguns consideram até superior ao da 50mm f/1.4 e que, por incrível que pareça, não tem os mesmos problemas desta lente mais cara (e supostamente mais bem construída).

Assim, fiz um "downgrade" da f/1.4 para uma f/1.8, que acabou de chegar pelo correio em casa, e que custou 116 dólares nos EUA, praticamente o mesmo preço do conserto da outra lente.

Primeira foto tirada com a nova lente 50mm f/1.8
Já havia tido uma f/1.8 quando comecei a aprender fotografia e é uma lente excepcional.

Hoje, comparando as duas lentes lado a lado, a impressão que dá é que a 50mm f/1.8 parece de brinquedo, com uma fabricação muito inferior e com cara de ser frágil. Agora resta-me confiar que ela aguente alguns anos por diante, para que eu possa fazer algumas belas imagens com ela.

Já a 50mm f/1.4, que me custou a cacetada de quase 400 dólares, tentarei vendê-la a preço de banana para alguém que saiba consertá-la, assim pelo menos consigo pagar a aquisição da lente nova.

***

Gostou deste artigo?


A melhor referência para quem deseja aprender a tirar fotos melhores.

  1. Por causa de seus postes já comprei de cara a f/1.4 (3 semanas de uso), já acendi uma vela para não bater a lente rsrs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, mas não dá para ficar paranóico, Mauricio.

      Se souber cuida bem, ela vai durar alguns anos pela frente. A minha funcionou perfeitamente por 4 anos e, se não fosse esta cacetada, certamente teria durado mais um tempão.

      São as fatalidades...

      Abraços.

      Excluir
  2. Oi, Henry!

    Sinto muito pelo ocorrido.

    Eu também tenho uma Canon 50mm f/1.4 e depois de uns 2 meses de uso, ela parou de focar. Não adiantava nem tentar o foco manual que não funcionava, até que tive a ideia de retirar a lente e encaixá-la outra vez. Ela voltou a focar, só que daí por diante tive que aprender a conviver com esse problema. Todas às vezes que saio com ela, depois de umas horas, ela para de focar. Só que agora lendo esta postagem deu medo, rsrs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já no meu caso, nunca havia tido problema com a lente até a cacetada. É uma pena.

      Acredito que as lentes tenham algum tipo de garantia, neste caso, com 2 meses você poderia ter enviado para a assistência, ou não?

      Abraços.

      Excluir
  3. Pois então Henry,

    Eu comprei com direito a 3 meses de garantia, mas apesar do susto fiquei achando que o episódio não iria se repetir e, quando se repetiu já estava fora da garantia. Descuido total da minha parte, mas agora não adianta ficar se lamentando.

    Também decidi comprar a minha por causa de uma postagem sua. E ontem fiquei pensando em me desfazer dela, mas já mudei de ideia. Vou apostar na sorte. Mas bem que a Canon poderia rever a construção e montagem, pois é uma lente muito cara.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema é que este tipo de coisa só se descobre quando acontece.
      Quando comprei a f/1.4 tinha ficado na dúvida entre a Canon a Zeiss com foco manual. Hoje me arrependo de não ter ido para Zeiss, apesar de ser ainda mais cara, mas seria uma lente para toda a vida e sem o preço absurdo da f/1.2.

      Excluir
    2. Ah, Henry, pelo menos vc tem a facilidade de mais pra frente comprar a Carl Zeiss, nem que seja usada.

      Já eu fico presa ao mercado brasileiro que enfia a faca. Moro próximo à Bolívia (pouco mais de 3h de carro), mas lá não tem quase opções de equipamentos Canon. Já o pessoal que usa Nikon costuma comprar lentes e flashes lá.

      Meu próximo investimento será uma macro 100mm f/2.8, mas toda vez que penso no preço chega a doer, porém não tenho muitas alternativas...rsrsrs

      Excluir
  4. Olá... Precisava de uma ajudinha...

    Apesar de gostar muito de fotografia ainda estou no início do conhecimento e prática, tudo amador. Gosto de fotografia de retratos e locais/paisagens quando viajo. Adquiri uma Canon 1100D com a lente do kit 18-55mm à algum tempo e tenho aprendido conforme o que vou lendo e ''praticando''. Porém, após algum tempo começo a pensar em adquirir uma outra lente e vi algumas informações de que a 50mm 1.8 é uma boa aposta, mas até agora não consegui analisar bem as diferenças e o que me pode proporcionar e se é realmente um bom avanço à lente do kit. Qual a diferença entre ambas?! porque toda a gente tem, pelo preço reduzido? vou conseguir fotos muito melhores?

    deixo um exemplo duma que tirei com o equipamento que tenho e sem edição

    https://www.dropbox....ee/IMG_4979.JPG

    Questiono também se hei-de omprar a lente nova da Canon ou usada e se existem marcas concorrentes a preços mais aceitáveis. Não estou mt dentro do assunto, visto que me iniciei à pouquissimo tempo e comprei um pack com a lente de kit.

    Desde já peço desculpa por incomodar e muito obrigada :)

    ResponderExcluir