quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Fotografia: o básico do básico

Henry Bugalho e uma Pentax K1000

Então você comprou a sua primeira câmera Reflex?

Muito bom! Agora você tem tudo que precisava para sair tirando lindíssimas fotos por aí, certo?

Errado! Antes de tudo, antes de tudo mesmo, assim que você abrir a caixa da câmera, você tem de...

Ler o Manual da Câmera

Eu não me canso de insistir e repetir, você precisa entender como sua câmera funciona e isto só será possível lendo o Manual do Fabricante. Não existe atalho para este passo.

É óbvio que, assim que você desempacotar sua câmera nova, você vai querer brincar com ela, tirar várias fotos, montá-la e desmontá-la, mas, por favor, no final do primeiro dia, sente-se por uma meia hora e leia o manual do começo ao fim!

E ali que você descobrirá todas as funções da câmera, como controlar a velocidade do obturador (shutter speed), o ISO e a abertura de diafragma (aperture), e várias outras funções que você nem imaginava que existia.

Pois não adianta você sair perguntado às pessoas (e isto inclui a mim): "onde controlo a função tal da minha câmera?"

Existe trilhões de modelos de câmeras fotográficas no mercado e, muitas vezes, a posição dos botões e as funções mudam drasticamente de um modelo para outro.

Assim, repito: LEIA O MANUAL!!!

Ponha a alça no pescoço

Fotografia: o básico do básico
(Foto por: Denise Nappi)

A alça da câmera não é enfeite (acho que já disse isto antes).

Pô-la ao redor do pescoço é a sua maior garantia que você não deixará a câmera cair nem a esquecerá em algum banco de restaurante. Antes que você pergunte: sim, eu sou do tipo que, se paro para comer alguma coisa, a câmera vai comigo, dependurada.
Certa vez ouvi de um americano que ele havia esquecido a Reflex dele dentro de um trem na Europa. Isto jamais ocorreria comigo, pois a câmera sempre está no pescoço. Sempre!

Aprendendo a segurar a câmera

Fotografia: o básico do básico
(Segurando a câmera para orientação paisagem)

O modo mais fácil e instantâneo para distinguir um completo leigo de alguém que sabe usar uma Reflex é como ele segura a câmera.

A mão esquerda deve ficar embaixo da lente, dando sustentação à câmera e servindo para dar zoom e/ou controlar o foco.
A mão direita sustenta lateralmente a câmera, enquanto o dedo indicador fica posicionado sobre o botão que dispara a câmera, e também controla o dial do obturador.

Fotografia: o básico do básico
(Segurando a câmera para orientação retrato)

Se sua câmera tiver o controle da abertura da lente nas costas da câmera, como alguns modelos mais avançados, é o polegar da mão direita que realiza este controle.

Este é o modo correto para segurar uma câmera Reflex, independentemente de marca ou modelo, analógica ou digital e, assim que você se acostumar, será muito difícil retornar aos maus hábitos anteriores. Inclusive, será até um pouco antinatural tirar foto com câmeras compactas.

E lembre-se, sempre opte por fotografar enquadrando através do visor ótico da câmera, pois é como sua câmera está "vendo" a imagem.

Filtros

Fotografia: o básico do básico
(Filtros UV e polarizador. Foto por: Denise Nappi)

Os filtros devem ser comprados no mesmo instante em que você comprar a câmera ou uma lente nova, um para cada lente que você possuir.

O filtro básico é o UV, que reduz a incidência de raios ultravioletas numa fotografia. No entanto, o uso básico do filtro UV é mais para proteger os elementos frontais da lente, de riscos, arranhões ou batidas, do que qualquer outra coisa.

A lógica é simples: uma lente boa pode custar mais de mil dólares, um filtro mediano não custa mais do que 30 dólares. O que você prefere ter de comprar de novo, uma lente de U$ 1000 ou um filtro de U$ 30?

Eu prefiro comprar um filtro novo...

Existem vários tipos de filtros diferentes, polarizador, de densidade neutra, de correção de cor, para aumentar contraste, e assim por diante. No entanto, na era digital, quase tudo pode ser feito ou corrigido no pós-processamento, então estes outros filtros são dispensáveis.

Eu não gastaria meu dinheiro com isto e não recomendo que você faça.

Quando deixar o filtro na lente?

Os filtros UV ficam nas minhas lentes 99% do tempo. Eu só retiro o filtro para fotografia noturna, ou às vezes em ambientes internos, pois as luzes podem refletir internamente na lente e causar uns pontos estranhos na fotografia. Mas, assim que eu tiro a foto, coloco novamente o filtro.

Parassol (Hood)

Fotografia: o básico do básico
(Foto por: Denise Nappi)

O parassol não tem nada a ver com tomar um chopinho gelado na praia, é aquele acessório preto que se vê na frente de algumas lentes.

A função básica é obstruir a incidência lateral da luz na lente, que causa o famigerado flare, uma ou mais bolas de reflexo numa fotografia.

Post Office
(Está vendo o flare no canto superior esquerdo da foto, aquele círculo mais claro?)

O flare é bastante controverso, pois enquanto pode ser indesejado na maioria das circunstâncias, também pode ser um estilo fotográfico bastante charmoso.

Fotografia: o básico do básico
(Lente com o parassol. Foto por: Denise Nappi)

Mesmo assim, o parassol, ou hood, deve ser utilizado para evitar o flare indesejado, além de dar uma visual superfodástico para sua lente (e também serve para dar na cabeça dos intrometidos que se enfiarem na frente da sua foto)!

Kit de Limpeza

Fotografia: o básico do básico
(Foto por: Denise Nappi)

Assim que você comprar sua câmera, é bom também comprar um kit de limpeza básico, que venha com uma flanelinha, um líquido não-corrosivo e uma bombinha para soprar ar.

Com a flanelinha e com o líquido, você poderá limpar a lente, os filtros e o visor digital da câmera, deixando-os brilhando. Já a bombinha de ar serve para limpar o espelho interno da câmera e soprar qualquer partícula que esteja presa no sensor da câmera (isto se a câmera não for autolimpante).

Jamais molhe ou toque com a flanela ou com a bombinha as partes elétricas ou o sensor da câmera!

Não precisa ter mania de limpeza. Limpe a lente assim que você ver que ela está suja, com marca de dedos, e assim por diante, e o restante quando você julgar necessário. Geralmente, eu sempre dou uma limpada na câmera depois de fotografar na praia, ou quando pego muito vento, pois sei que terá areia ou poeira na câmera.

Flash embutido ou flash externo?

Fotografia: o básico do básico
(Foto por: Denise Nappi)

A não ser que você pretenda cobrir eventos, como casamentos, festinhas de crianças ou batizados, não sei se um flash externo (external flash) seja necessário logo de cara.

O flash embutido (built-in flash) da câmera não é lá essas coisas, mas é muito melhor do que o flash de câmeras compactas e, com certeza, é melhor do que tirar foto no escuro.

Já o flash externo proporciona uma liberdade criativa imensa, mas também necessita muito estudo e dedicação para dominá-lo. Se você é um principiante, já terá de estudar fotografia básica, o que lhe tomará bastante tempo. Deixe o estudo de iluminação artificial mais para adiante.

Para o uso cotidiano, o flash embutido cumpre bem o papel, mesmo que limitado.

Por fim, leia todo o curso introdutório de fotografia do Cala a Boca e Clica!

Agora que você já sabe o básico do básico, resta começar a estudar e ler todo o curso introdutório de Fotografia aqui do nosso site, realizar os exercícios e tirar as suas dúvidas conosco.

Abraços e boas fotos por aí!



***

Gostou deste artigo?


A melhor referência para quem deseja aprender a tirar fotos melhores.

  1. Olá Henry,

    Descobri seu blog a 1 semana, todos os dias entro para ler e descobrir os segredos dessa arte maravilhosa que é fotografar...

    Acabei de ler esse seu mais novo texto, gostaria de estar com a minha reflex nesse momento, ainda não consegui comprá-la, gostaria de pedir sua ajuda, a marca já escolhi quero uma Canon, não tenho um orçamento tão grande e como li em seus textos não vou gastar muito no corpo para poder gastar com as lentes...

    Voce pode me ajudar indicando um modelo de reflex introdutório da Canon??? Obrigado

    ResponderExcluir
  2. Oi, Danilo.

    Se você não fizer questão que a câmera faça vídeos, você pode procurar uma Canon XS ou XSI remanufaturada, que sairá bem mais em conta, senão dê uma olhada na T1 ou na T3, que são modelos mais recentes e por um preço razoável.

    E, como sempre digo, compre a 50mm f/1.8, é a melhor aquisição possível dentro da faixa de preço desta lente.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Henry, obrigado pela ajuda...

    Quanto a lente de 50mm f/1.8, essa já esta no orçamento, rsss... Percebi o quanto ela é importante pelos textos que li...

    Desculpe pela pergunta que vou fazer, vi voce várias vezes citar a palavra remanufaturada, seria: uma maquina usada, antiga, ou o que??? Desculpe pela "ignorância"...

    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Oi, Danilo.

    Remanufaturada (refurbished) é quando uma câmera apresentou defeito, então ela é enviada de volta para a fábrica, onde eles a reparam e revendem por um preço bem mais em conta.

    Já comprei várias câmeras remanufaturadas e sempre funcionavam que era uma beleza.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Olá Henry.

    Adoro seu blog e já li todos os posts. Acho que já sei o "básico do do básico" pois, além do seu blog, acompanho vários outros, além de já ter lido todo o manual da minha Canon 500D. Recentemente comprei o DVD da Márcia Charnizon (não sei se conhece...) e um sobre composição do Ernesto Tarnoczy. Mas, apesar de tudo, ainda não sinto uma verdadeira evolução nas minhas fotos. Frusto-me pois penso que não consigo fazer fotos que façam jus à toda teoria acumulada. Onde moro tenho dificuldades em fazer um curso... o que me recomenda ler/fazer??? Ah, tenho a lente 18-55mm, a 50 mm e pretendo comprar a 55-250mm (por sem mais em conta. Um grande abraço e muito obrigada por transmitir a iniciantes, como eu, extraordinárias dicas dessa linda arte. Niuza

    ResponderExcluir
  6. Olá Henry, tudo bem?

    Olha estou com uma fujifilm s1600, estou satisfeito com as imagens que tenho feito com ela, porém gostaria de saber se você tem alguma opinião sobre a fujifilm HS20, eu gosto das superzoom, e gostaria de saber se você pode indicar alguma que dê para tirar fotos boas, mas com superzoom.

    Abraço


    Thierry

    ResponderExcluir
  7. Caro Henry, Tenho acompanhado suas aulas de setembro pra cá, mas já li tudo que encontrei anteriormente. Voltando para a fotografia (mexia com uma slr analógica antes) depois de tempos parado, gostaria muito de informações mais avançadas sobre fotometria, principalmente. As câmeras embora muito sofisticadas nesse aspecto ainda são enganadas pelo que enquadramos e a exposição nem sempre é a correta. Minha sugestão é que você, com toda sua experiência, nos presenteie agora que o Natal está perto, com uma aula de fotometria avançada em modo Manual. Muitos dos que já tem um pouco mais de estrada e que acompanham seu site irão adorar e certamente vão produzir imagens muito melhores! Obrigado, Helvio

    ResponderExcluir
  8. Oi, Niuza.

    Acho que vou escrever o próximo post tentando sanar a sua dúvida.

    Oi, Thierry.

    Não conheço os modelos da Fuji, então não saberia lhe dizer muita coisa sobre esta câmera.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  9. Você tem razão, Helvio, a fotometria nem sempre é correta, principalmente em situações de alto contraste.

    No entanto, ao contrário da época de filme, hoje em dia é muito mais fácil fazer o "bracketing", isto é, tirar uma foto, conferir a exposição, corrigir as configurações e acertar.

    Mas ainda pretendo falar, no futuro, sobre o sol-16 e sobre o "zone system" criado por Ansel Adams. Isto vai por mais caraminholas na cabeça dos iniciantes, mas é uma parte importante do estudo.

    ABraços.

    ResponderExcluir
  10. Porém, você poderia sugerir uma superzoom? eu sempre viajo para o Pantanal, e gosto desse tipo de camera.

    Abraço

    ResponderExcluir
  11. Obrigada Henry. Vou aguardar ansiosa!!!
    Um abraço. Niuza

    ResponderExcluir
  12. Henry, obrigado por responder tão rápido. Conheço a famosa regrinha do f16 mas não lembro dessa outra "zone system". Vou esperar pelo seu artigo. Se puder (e enquanto tenho unhas, rsrs) me passar um link desse system eu agradeceria! Grande abraço. Helvio

    ResponderExcluir
  13. Oi, Thierry.

    Se você quisesse uma indicação de uma lente telefoto para SLR, seria mais fácil, mas existem tantos modelos de câmeras compactas dentro do que você pede que o melhor é você ir diretamente numa loja e conferir o que lhe agrada mais. Os modelos de compactas avançadas da Panasonic são considerados alguns dos melhores do mercado no momento, seria o que eu procuraria, pelo menos.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  14. Se você ler em inglês, Helvio, pode conferir aqui

    http://en.wikipedia.org/wiki/Zone_System

    Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Obrigado Henry! Helvio

    ResponderExcluir
  16. Queria indicaçao de um bom kit de limpeza pra lente e filters. Me ajuda?
    Vanessa

    ResponderExcluir
  17. Você se refer a marca, Vanessa?

    Não saberia indicar, pois eu comprei o meu da marca proprietária da Adorama, uma loja de Nova York. Acho que isto pouco importa, desde que venha com a flanela, um líquido para limpar, a bombinha de ar. Não tem segredo.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  18. Oi Querido Henry amei seu blog, amo as art's em foto estou fazendo o curso de fotográfia, mas antes de fazer o curso fui apressada e comprei uma máquina com pacta a pawer shot 35x zoom optco e descobri queessa máquina não é profissional
    fiquei muito triste paguei caro, agora descobri meu professor me disse para comprar a canon t3 como vc disse á cima para outra pessoa, como uma louca por foto pesquisei tudo sobre várias máquinas mais ainda tenho dúvida quero uma máquina para fotografar casamento mas de baixo custo, pois ela tem que ser rápida nos kliks usei a nikon D90 da minha amiga que faz aula comigo e gostei parece ser bem ráda no cliks será que cano T3i é parecida com a nikon D90? me ajuda por favor e a lente 18-55 q vem na canon T3i é boa para fotografar casamento com uma ótima qualidade?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rosangela.

      A velocidade do clique da câmera é você quem ajusta, que pode ser 1/1000 de segundo ou até 30 segundos.
      Agora, se você estiver se referindo a fotos contínuas, dê uma olhada na 60D da Canon, que pode fotografar até 5.3 quadros por segundo.

      Abraços.

      Excluir
  19. Ja tem um tempo que acompanho seu blog, com ele me joguei no mundo na fotografia... entao, comrei uma eos 1100D que veio com um kit de 18-55... comecei a fazer ensaios fotograficos, dai surgiu a necessidade de mais luz entao comprei um painelzinho de led que me ajuda muito, logo apos comprei um difusor para o flash built in ... recentemente comprei um a cinquentinha de 1.4, e ai? Devo investir em um flash mais profissional ou nao? Caso queira ver meu trabalho: www.facebook.com/megfotografias .

    ResponderExcluir